10.4.17

Os 20 Princípios fundamentais do neo-ateu


1 - Passar a vida toda lutando contra algo que diz não acreditar (MAS NÃO CONSEGUE PROVAR!);

2 - Ficar estudando a Bíblia, separando versículos aleatórios e revelando DESCOBERTAS que 'ninguém viu' em mais de 2 mil anos!;

3 - Achar-se o dono da verdade usando de mentiras e argumentos tendenciosos e ultrapassados (jogando verdades essenciais embaixo do tapete);

4 - Atacar a moralidade bíblica sem saber explicar de onde ele tira seu conceito de moralidade OBJETIVA (Se Deus não existe, como saber se seu conceito ou padrão moral é mais correto que o de um bandido?);

5 - Achar que todo cristão é leigo e desinformado como eles;

6 - Acreditar que o ser humano é fruto do acaso, ou de forças desgovernadas da natureza (e ainda dizem que cristão é que acredita em fantasia!);

7 - Usar de preconceito e intolerância para defender a merda chamada ateísmo e depois fazer-se de vítima de preconceito religioso quando é atacado;

8 - Ter mania de achar que cristãos são todos bobinhos; que devem apanhar calados;

9 - Falar de crimes cometidos pelas religiões e tentar isentar o ateísmo das mais de 100 milhões de mortes provocadas pelos regimes comunistas e extremistas ATEUS ("O comunismo começa onde começa o ateísmo" - Karl Marx / "Nossa propaganda compreende necessariamente o ateísmo." - Lenin).

10 - Ofender-se com a fé dos cristãos, com cultos ou imagens religiosas (Cristofobia disfarçada de ateísmo);

11 - Fazer chacota e escarnecer as religiões e sentir-se ‘ofendidinho’ quando fazem chacota com ateus;

12 - Atribuir aos cristãos características deles mesmos: iludidos, hipócritas, mentirosos, demagogos, farsantes, etc.;

13 - Criticar a religião sem se dar conta que o ateísmo é a RELIGIÃO que mais se requer fé entre todas no mundo (como alguém pode acreditar que somos obra do NADA?);

14 - Criticar o criacionismo sem saber refutar seus argumentos mais modernos (TDI, Argumento Cosmológico, Sintonia fina, os fenômenos supranormais da Parapsicologia...);

15 - Falar em ciência para defender o ateísmo ignorando que os Pais da Ciência acreditavam em Deus e que a maioria dos cientistas acredita em um criador;

16 - Falar que milagres são invenções, ignorando que muitos deles foram estudados exaustivamente pela ciência (ex.: imagem de Guadalupe, centenas de santos incorruptos sem mumificação ou adipocere, milagres de Lourdes e tantos outros milagres marianos, etc. etc. etc...) e não tiveram qualquer explicação humana ou científica (e SÃO MILHARES!);

17 - Achar-se no direito de se intrometer nas escolhas pessoais, como se o ateísmo (responsável por milhões de mortes) fosse algo melhor que a crença em Deus;

18 - Atribuir a Deus as suas limitadas características humanas (como os 'modinhas' que dizem: "Por que Deus não faz isso ou não faz aquilo?", como se Deus precisasse provar algo a eles ou se encaixar em suas obtusas visões acerca do ser mais poderoso do mundo);

19 - Acreditar em toda besteira que sites ateus (FARSANTES, MENTIROSOS E PASMEM, DIZIMISTAS!) propagam sem questionar se é verdade ou não (e ainda dizem que estudam os dois lados! Mentirosos! Hipócritas!);

20 - Achar que escarnecer a religião (zombando de Cristo e objetos sagrados) é ateísmo! Tão imbecis que provavelmente nunca ouviram falar no código 208 do Artigo penal.




do livro "Calando a boca dos neo-ateus"

https://www.clubedeautores.com.br/book/216918--Calando_a_boca_dos_neoateus


 OUTROS LIVROS DE MINHA AUTORIA:
(clique nas imagens)

https://www.clubedeautores.com.br/book/214182--Exateu_gracas_a_Deus    https://www.clubedeautores.com.br/book/218557--Catolico_gracas_a_Deus




 VISITE TAMBÉM:

Blog Ex-ateu, graças a Deus!







Nenhum comentário:

Postar um comentário